Negócio no mundo dos postais

Hoje dei um salto ao Office Centre. Na zona dos postais de aniversário reparei numa pérola que dizia:

“Nasceu o vosso menina…”

Não percebi o que se passava. Abri o postal para ver se tinha alguma piada acerca da masculinidade do filho/a. Não. Claro que comecei logo a minha procura por mais pérolas. Demorei 15 segundos:

“bla bla bla celebrar-mos este dia…”

Este exemplo não é tão directo, mas basta arranjar um parecido para ver onde está o erro. Por exemplo, qual destas duas frase podíamos usar num filme porno:

  • “Come-mos”
  • “Comemos”

Isto é oportunidade de negócio porque:
– Os postais têm erros gramaticais e básicos. Não estou a ver ninguém por muito burro que seja a comprar o “Nasceu o vosso menina…”*
– Os postais são aborrecidos. Eu gostava de ter um postal que dissesse “Estás velho”, “Estás podre”, “Estás recesso”, “Parabéns por ainda estares vivo”.
– Tem poucos gastos. 3000 euros, contacto com uma reprografia e um designer chega e sobra para tentar durante um ano sem ter que abandonar o trabalho.

* – Nos entantu já ouvi uns sinhô áfricanu à falà assim.

One thought on “Negócio no mundo dos postais

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s