Enfiar um carro num rio

No dia 2 de Novembro de 2004, eu e o meu amigo Antone fomos para a noite.

Eu fui atrás do Antoine para ter a certeza que ele chegava bem a casa. Ele mora do outro lado do rio em relação à minha casa. Eu vejo o rio do meu quarto e a casa dele deve ficar a cerca de 500m da minha.

No entanto às 6:30 aprox. ele adormeceu e eu vi-o enfiar o carro no rio. Ainda tem alguma altura da estrada ao rio. O rio estava baixo, mas na semana anterior cheguei a ver um icebergue vindo das calotes glaciares de S. Martinho. O carro caiu e ficou com as rodas para cima, eu lá fui abrir a porta e sai de lá de dentro o Antonin deveras esbaforido.

Arranhou-se nas mãos e ficou dorido, principalmente na carteira. Ainda disse que os airbags são molinhos. O carro ainda foi reparado e foi vendido a um golfinho do zoo marine.

Algumas semanas passaram e através de uma rede de conhecimento muito avançada, chegaram aos meus ouvidos que o Tonin tinha ido ao rio porque ia a fumar e tinha-lhe ido fumo para os olhos… Ainda apareceram outras lendas,julgo que foram uma vingança das senhoras de S. Cristovão (local do acidente) que ficaram sem a grade de protecção que utilizavam para estender roupa.

2 thoughts on “Enfiar um carro num rio

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s